9 de agosto de 2006

...mudam as pessoas, permanecem os sentimentos...

Cá estou eu, de novo, e de novo, e de novo, apaixonada (e doendo-se) por uma idéia. Uma pessoa? Não, uma idéia. Algo criado, algo imaginado, mas nunca, nem de longe, algo vivido. Por isso é só uma idéia.

Quando alguém te fere, mas nem desconfia. Te fere, mas não tem culpa.

Mas e dai? A dor não é menor porque não há culpados..rsrsrs. Ok, não tá doendo tanto assim.

Só pra deixar registrado que mais uma vez o ciclo começou (ou terminou...aleluuuuuuuia irmão!rs).

Porque agora é assim....continua "igualzinho quenem", mas em ciclos bem mais curtos..o que já é um começo (hauhauaha..seu otimismo é espantoso, menina!!!!)

Eeee, típico post de cheiradora de cola..rsrsrs.

Beijos.

Um comentário:

Cíntia disse...

Ah, os ciclos...